2016 | o ano em retrospetiva

by - 09:22




Cá estamos novamente em balanço, como em todos os finais de ano. Tenho a sensação que 2016 passou num sopro!  É momento de reflectir, de traçar novos objectivos e planear novas viagens, sem esquecer de recordar e agradecer os momentos felizes que, felizmente, são muito mais abundantes do que os tristes.

Postei menos do que gostaria, ao longo deste ano que termina. O tempo é sempre escasso e os projectos em mãos sempre muitos: O Berço do Mundo acaba por ficar com as migalhas que sobram. Apesar disso, o blog continua a dar-me muito prazer, é muito reconfortante receber os vossos comentários carinhosos, sentir a vossa presença. Alguns chegaram aqui quando o Pedro tinha apenas quatro anos, dentes de leite e bochechas boas para encher de beijos.

Mas tergiverso. Prontos para recordar este ano? Os postais das nossas aventuras, para usar a expressão do Pedrinho, estão prontos e a transbordar de cor.


Cliquem para aumentar as imagens.


Os primeiros dias do ano apanharam-nos em Angola, onde temos vindo a criar novas tradições natalícias. À saída de Luanda, em direcção à Barra do Kwanza, conhecemos um dos lugares mais fascinantes da capital, com um peso histórico esmagador, ligado à Rota da Escravatura.

Em Março, rumamos ao norte de Itália, para descobrirmos que Milão é muito mais que moda: é A Última Ceia, é um dos teatros mais belos do mundo, é a beleza arquitectónica do Duomo. Esta aventura permitiu que festejássemos os primeiros dias da Primavera a poucas horas da cidade, na fronteira com a Suíça, com o cenário cinematográfico do Lago Como.

Em Maio inauguramos uma série de posts sobre Lisboa, cidade a ponto luz bordada, como cantou magistralmente Carlos do Carmo. De resto, há muito que nos pediam dicas para explorar a capital portuguesa. O Pedro recebeu um jogo fantástico que nos ajudou nessa tarefa, fazendo o pequeno explorador exultar de alegria, decorar quadras do Bocage, ver a sua primeira múmia e ir ao Planetário, movido a pastéis de Belém (combustível delicioso).





Pouco depois, o trabalho levava-me até às faldas da Serra da Estrela, onde pude explorar os desníveis da Covilhã e fui surpreendida por um projecto maravilhoso de arte urbana chamado Woolfest. Aproveitei ainda para conhecer duas aldeias históricas próximas, na Cova da Beira, a região das cerejas: Castelo Novo e Alpedrinha.

No final de um Verão particularmente cansativo, optamos pela região galega, na vizinha Espanha. Acampamos, a pedido do Pedrinho. Não seria a minha escolha, sabem. Há uns 15 anos que não dormia numa tenda mas, afinal, foi muito divertido sobretudo a noite de chuva, quando a tenda começou a meter água...

Esta aventura fantástica começou na Corunha - onde conhecemos a mítica Torre de Hércules e nos rimos com umas personagens narigudas - para depois descer pela Costa da Morte até a geografia adoçar e repousarmos nas Rias Bajas. Antes do regresso a Portugal, fizemos um último desvio para conhecer um jardim romântico, por culpa de uma única foto em que tropecei nas minhas pesquisas: Lourizán.




Entre estas viagens houve, como sempre, espaço para conhecer tradições portuguesas, revisitar lugares que adoramos, falar sobre as nossas aventuras a meninos do 2º ciclo e desvirtualizar mais algumas amizades, como a Ana Christ, autora do maravilhoso blog Nativos do Mundo.

Fechamos este ciclo perfeito novamente em Luanda. No horizonte, espreita 2017 que, desconfio, será igualmente fantástico, se soubermos aproveitar esta energia de renovação. Vamos lá? 




O Berço do Mundo em 2016
- 34 posts
- 637 comentários (4.246 ao longo da existência do blog)
- 2.438 seguidores no Facebook e 2.864 no Instagram
- Post mais lido do ano: Alpedrinha, terra de pastores


You May Also Like

32 comentários

  1. Há dias vinha olhando a lista de leitura, à espera deste post - sabia que ele viria! Haha, finalmente! Parabéns pelo excelente trabalho do ano todo. Estamos à espera de mais...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Que maravilha Marta. Sentir-me aguardada, não há nada que pague.
      Obrigada por estar presente em cada um dos posts deste ano, querida.
      Beijinhos, bom ano

      Eliminar
  2. estava aguardando ansiosa esse teu post, para ter mais uma - a última desse ano - viagem na tua companhia, e sendo essa a mais completa viagem!
    É amiga querida, mais um ano que se vai e logo, logo outro chega, trazendo esperanças de ares mais amenos (ao menos aqui no Brasil, onde tudo está de ponta cabeça, em virtude da política suja, da corrupção e das muitas 'cacas' que foram jogadas no ventilador'; um ano em que sonharemos outra vez, com vários planos e o desejo de muita saúde para todos nós.. o desejo de soluções, sucesso, novas conquistas e realizações - sempre embalados com amor!
    beijos e amassos no Pedrinho.
    Que venha 2017!
    Feliz ano novo!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada Dri. Foi uma delícia ter-te aqui, a acompanhar todas as nossas viagens.
      Feliz Ano Novo! Que 2017 consiga renovar todas as esperanças.

      Eliminar
  3. Parabéns e muito obrigado pela carona em suas aventuras! Alegria contagiante.
    Feliz 2017! Tudo de bom!

    ResponderEliminar
  4. Pela minha parte só tenho a agradecer, por mais um ano "à pendura" das vossas viagens, sempre bem ilustradas e numa linguagem clara e correcta, ou seja: muito bem descritas. O que torna a visita obrigatória e sempre aprazível.
    Que a viagem continue, cheia de encantos, descobertas, alegrias... e em quantidade.
    Um Novo Ano muito feliz e com saúde, também.
    :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A quantidade é sempre menor do que aquela que desejamos, mas nem todos podem largar tudo para deambular pelo mundo!
      Abraço. Feliz Ano Novo!

      Eliminar
  5. Feliz Ano Novo!
    Seguimos nossa caminhada na construção de um mundo mais justo, fraterno, humano, harmonioso e de doação.
    Todos somos promotores da Paz...que começa em nossos corações e se estende a tudo que nos rodeia!!!
    Obrigada por sua amizade e por fazer parte da minha história de vida!
    UM ABENÇOADO 2017!!!!

    ResponderEliminar
  6. Querida Ruthia
    O tempo nunca chaga para tudo o que queremos fazer. E a verdade é que há coisas que, ainda que não sejam mais importantes... são, pelo menos, mais prementes do que o blog. E o pobrezinho é relegado para segundo lugar.
    Contudo... apesar do que consideras poucas postagens... fartá-mo-nos de viajar contido!
    E foram sempre viagens muito agradáveis, belamente ilustradas com fotos e com a informação necessária.
    Parabéns, portanto, à cicerone :)))

    E agora que o Natal passou... desejo que tenhas uma excelente passagem de ano, e um 2017 pleno de felicidade.

    Continuação de boa semana.
    Beijinhos
    MARIAZITA / A CASA DA MARIQUINHAS

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito obrigada, Mariazita. Feliz Ano para si e para os seus

      Eliminar
  7. Foi magnifico viajar com a minha amiga neste ano que está a acabar e que o 2017 traga muitas e boas viagens.
    Um abraço e Boas Festas.
    Andarilhar

    ResponderEliminar
  8. Foram muitas aventuras mesmo e o ano vooooooou!


    Que venham muito mais em 2017 e que continuemos juntas! Obrigadão! bjs, feliz 2017! chica

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Deus a ouça, Chica, quanto às aventuras que nos esperam e quanto a continuarmos juntas. Mil beijos. Feliz Ano Novo

      Eliminar
  9. Um ano farto em descobertas!
    Morenaça, beijinhos e FELIZ 2017!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Felizmente, sou uma sortuda. Beijinhos ruiva e feliz ano!

      Eliminar
  10. Encontrei a FELICIDADE e ela me disse que ia pra sua casa. Pedi que ela levasse também a SAÚDE e o AMOR. Trata eles bem, vão em meu nome. Feliz Ano Novo!.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Agradeço tão amáveis votos Feliz Ano Novo!

      Eliminar
  11. Gostei de ver o resumo de 2016.
    Andamos meio perdidos um do outro, mas passei para desejar um BOM ANO de 2017.
    Beijo.

    ResponderEliminar
  12. OI RUTHIA!
    UMA RETROSPECTIVA MUITO BACANA AMIGA E QUE EU, GRANDE PARTE DELA ACOMPANHEI. MAS, ME TOCOU MUITO FALARES DO PEQUENO EXPLORADOR, ME DEI CONTA, QUE NOSSOS "PEDRINHOS" CRESCERAM VEJO O TEU, JÁ UM MENINÃO E O NOSSO AQUI TAMBÉM, COM PERSONALIDADE E SE DESENVOLVENDO DE UMA FORMA BONITA E PROMISSORA. NÃO SEI SE FAZ TANTO TEMPO ASSIM, MAS ACHO QUE É BEM POR AÍ O TEMPO QUE NOS VISITAMOS E DIVIDIMOS, TU, TUAS BELAS EXPERIÊNCIAS EM VIAGENS E EU MEUS POEMAS E NESSE MEIO, UM POUCO DE NÓS MESMAS.
    QUE 2017 TRAGA A TI, AO PEDRINHO E MARIDÃO, MUITA SAÚDE, AMOR E MAIS VIAGENS MARAVILHOSAS. ESTEJAM COM DEUS, HOJE E SEMPRE.
    ABRÇS
    http://zilanicelia.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Que continuem a crescer felizes e inteligentes, Lani. Um feliz Ano Novo, com muita saúde e alegria, extensível à família.
      Abraço

      Eliminar
  13. Ruthia, quantos momentos maravilhosos em 2016! Desejo um ano maravilhoso para vc, com muitas viagens e aventuras! bjs,

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Desejo-lhe o mesmo, querida Anne. Feliz Ano Novo

      Eliminar
  14. Ano Novo, Vida Nova.
    Ou antes, ano Novo, post Novo... mas não vi... mas eu volto a passar...
    Tem um bom fim de semana, querida amiga Ruthia.
    Beijo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tem razão Jaime. A ver se arranjo um buraquinho na próxima semana para remediar essa falta :)

      Eliminar
  15. Boa tarde, perfeita apresentação de resumo do ano 2016, feliz 2017.
    AG

    ResponderEliminar
  16. A gratidão é a memória do coração!
    Obrigada querida, pela sua amizade sempre tão amável, fico
    feliz em saber que em algum lugar desse mundo você existe. e
    agradeço a Deus por sua atenção carinhosa!
    Muitíssimo obrigada por compartilhar comigo os 04 anos do blog
    Algodão Tão Doce!!!!!!!
    Um big abraço, Marie.

    ResponderEliminar
  17. Foi um ano em grande, sem dúvida, Ruthia!
    Espero, sinceramente, que 2017 supere todas as marcas.

    Abraço

    ResponderEliminar
  18. Concordo com o AC. Um belo ano, sem dúvida alguma. E que 2017 o supere em tudo o que foi bom.
    Para mim é uma alegria acompanhar o crescimento do Pequeno Explorador e do próprio "Berço" - esse espaço de registro de viagens (à maneira de seus antepassados, Ruthia), mas onde se encontram instantes deliciosos em que a narradora tergiversa e faz o seu texto aconchegante como se contado numa roda de amigos.
    Grande abraço!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sem dúvida, uma grande roda de amigos. Feliz ano, Jussara!

      Eliminar

«Viajar torna uma pessoa modesta – vê-se como é pequeno o lugar que ocupamos no mundo.» (Gustave Flaubert)

Obrigada por ler as minhas aventuras e ainda gastar um momento para comentar. A sua presença é muito importante para mim. Um abraço e até breve!