2017 | o ano em retrospectiva

Hoje perdemo-nos em recordações: memórias de lugares, de pessoas, sabores e aventuras. São ecos já débeis de um ano maravilhoso que se despede…



Este é o meu último texto do ano, quando as luzes chegam, de mansinho, para iluminar um novo capítulo. Sabiamente, Mário Quintana exaltou o “belo truque do calendário” que, em cada novo ano, dá-nos a sensação de recomeço: parece que a vida nos oferece 365 novas páginas em branco.

Ainda que seja uma mera ilusão - porque a nossa gigantesca bagagem pessoal, profissional e familiar não desaparece à meia-noite do dia 31 de Dezembro – sabe muito bem sonhar todas as possibilidades que um novo capítulo representa. Mas antes de mergulhar de cabeça em novos planos, lancemos um último olhar sobre o passado próximo...

Resumir 365 dias em meia dúzia de linhas e algumas imagens não é fácil. O lado bom é que nos permite saborear novamente os lugares: aí estão, como já é tradição, os postais das nossas aventuras de 2017.

Começamos o ano em Angola, aproveitando para conhecer um pouco melhor Luanda, guiados pelas lindas palavras de Pepetela. Conhecemos também Muxima, o maior centro mariano da África subsaariana, a comunidade chinesa em Angola e o singular Memorial Dr. António Agostinho Neto (MAAN), dedicado ao primeiro presidente pós-independência.




Na Páscoa, rumamos a terras helvéticas em família (tão bom quanto raro), explorando um pouco a Suíça que, descobrimos, é muito mais do que chocolates, relógios e canivetes. Tivemos oportunidade de conhecer Zurique com o seu belo lago, seguindo depois para a capital, Berna, onde fizemos uma visita guiada ao Bundeshaus, o seu belo, imponente e absolutamente simétrico Palácio Federal.

No sul, encantamo-nos com a multicultural e francófona Genebra, capital da paz, onde fizemos um roteiro relojoeiro muito original. Houve tempo ainda para um saltinho a Basileia, a capital cultural do país nas margens do rio Reno, onde a Suíça se confronta com a França e a Alemanha, antes de nos despedirmos com cenários cinematográficos em Lucerna, onde babamos perante uma parede que escorria chocolate…

Aproveitamos também para dar um passeio no Liechenstein, esse micro-país sem exército ou moeda própria, aeroporto ou rede de comboios, governado por um príncipe-empresário que se pode encontrar na rua como qualquer cidadão comum. Na capital, Vaduz, propus mesmo um roteiro artístico com arte moderna, selos, ovos Fabergé e esculturas de Botero.




O ponto alto do Verão foi uma ida aos Açores, onde voltei a acreditar no paraíso. Estivemos apenas em São Miguel, a maior das 9 ilhas que compõem o arquipélago, que nos encantou com a sua beleza natural, as paisagens atlânticas e vulcões mais ou menos adormecidos, com os edifícios históricos em Ponta Delgada e com os seus sabores.

Ainda em Portugal, desta vez continental, destacamos a região do vinho verde, passando pela centenária Quinta da Aveleda, traçando a nossa própria Rota do Românico e conhecendo Amarante, com os seus inusitados doces fálicos. Um pouco mais a norte, fizemos ainda a Rota dos Gigantes do Vale do Lima em quatro localidades minhotas, pela mão de personagens históricas que levaram o nome de Portugal aos quatro cantos do planeta: Ponte da Barca, Ponte de Lima, Viana do Castelo e Arcos de Valdevez.

Ao longo do ano, fizemos várias incursões a Espanha, percorrendo parte do Caminho Português de Santiago, pela costa – Baiona, Pontevedra, parando para conhecer as ilhas Cíes, tão lindas que os romanos diziam ser dos deuses – dando um salto à Costa Branca para conhecer o maior palmeiral da Europa e voltando a Madrid, para um roteiro infantil capaz de agradar a visitantes de todas as idades.






O Berço do Mundo em 2017
- 44 posts
- 1.209 comentários (5.455 ao longo da existência do blog)
- 3.947 seguidores no Facebook e 3.500 no Instagram
- Países com maior nº de acessos ao blog: Portugal, Brasil, EUA, Rússia (??!!) e Alemanha
- Post mais lido do ano:  A Nossa Rota do Românico

You May Also Like

41 comentários

  1. Como é bom terminar o ano e ver quanta coisa legal foi vivida,né? E que bom ver que quase tudo pude acompanhar aqui!

    Feliz 2018 e muitas alegrias nele! bjs, chica

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E a sua companhia é sempre muito apreciada, Chica. Um abraço

      Eliminar
  2. Passando, vendo, lendo, elogiando, anunciando:
    .
    Tema: *Geladas gotas na dor da separação*
    .
    Que o Ano Novo de 2018, entre na sua vida pela porta do coração, trazendo: Saúde, Paz, Fraternidade, Amor, Gosto pela Partilha.
    .
    FELIZ ANO NOVO

    ResponderEliminar
  3. Ano notável em seu blog, pela variedade e qualidade dos posts. Que 2018 seja ainda melhor, para alegria de nós, leitores.
    Um grande abraço!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito obrigada, Marta, pela sua presença tão regular e maravilhosa. Um abraço, com votos de um feliz 2018

      Eliminar
  4. Foi bom este recordar daquilo que já tinha visto.
    Um abraço e que 2018 seja o melhor ano da sua vida.

    ResponderEliminar
  5. Bom dia, querida Ruthia
    ESTA É A MINHA MENSAGEM DE ANO NOVO:
    Para desejar um feliz Ano Novo faço-me acompanhar DAS PALAVRAS de Carlos Drummond de Andrade, que muito admiro:
    “Para ganhar um ano novo que mereça este nome, você, meu caro, tem de merecê-lo, tem de fazê-lo de novo, eu sei que não é fácil, mas tente, experimente, consciente. É dentro de você que o Ano Novo cochila e espera desde sempre.”
    FELIZ E PRÓSPERO ANO NOVO
    Beijinhos
    MARIAZITA / A CASA DA MARIQUINHAS

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Também aprecio muito Drummond, Mariazita. Farei por merecer esse ano novo.
      Feliz 2018

      Eliminar
  6. Respostas
    1. Se for parecido, já não me posso queixar. Haja saúde.
      Abraço e feliz ano novo

      Eliminar
  7. Querida amiga, viajamos muito com seus olhares e conhecemos muitos lugares nem pensados. Um ano para chamar de seu, pois vimos que realizou bastante do planejado e desejado.
    Obrigado sempre pela companhia com carinho e atenção sempre.
    Desejo um novo ano novo para vocês com saúde e paz e belas explorações.
    Um especial abraço ao pequeno explorador.
    Bjs de paz amiga.
    Vamos juntos em sintonia em mais um ano por aqui.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito obrigada pelos votos e pela companhia. Que a sintonia virtual se prolongue com todos estes amigos e leitores.
      Abraço, feliz ano novo

      Eliminar
  8. Foi, de fato, um ano repleto de viagens e histórias encantadoras e reveladoras pra muitos de nós, teus leitores, Ruthia, e às portas do Novo Ano, venho desejar-te mais visitas motivadoras, mais descobertas e encantamentos acrescidos de muitas alegrias e venturas pra ti e família, mais 365 dias de novidades radiosas.
    Feliz 2018!

    Abraço festivo,
    Calu

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito obrigada, querida Calu. Desejo que todo o bem que vc deseja aos outros, com a sua imensa generosidade, se reflicta em vc e na sua família maravilhosa.
      Saúde e paz em 2018!

      Eliminar
  9. Feliz ano novo! Obrigado por compartilhar as experiências em 2017. Que venha 2018!
    Abraços desde Ribeirão Preto/SP

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Feliz Ano Novo, que venha carregado de bênçãos e saúde. Obrigada pela sua presença por aqui, ao longo de 2017

      Eliminar
  10. Realmente, fica muito difícil resumir 365 dias em algumas palavras. Mas você fez isso muito bem e contou suas viagens incríveis por esse mundão. Espero que 2018 te traga destinos lindos e inesquecíveis. Ano novo, chances novas, viagens novas e oportunidades novas. Vamos aproveitar! Beijão, ótimo 2018

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Vamos aproveitar sim, que só temos uma vida e passa num sopro.
      Feliz Ano, Angela

      Eliminar
  11. Poxa, que máximo foi 2017! Esse ano rendeu muito e acho que 2018 tá ferrado pra superar rs. Parabéns pelo blog e que 2018 seja maravilhoso também. Beijos!

    ResponderEliminar
  12. de imediato me sinto honrada em ler a citação ao gaúcho Mario Quintana, orgulho das letras no nosso Estado. Bom rever essas viagens contigo e novamente honrada e feliz em saber que sou uma entra as tantas que comentam aqui neste blog delicioso, bem como a te seguir nas redes Facebook e Instagram! Um beijo, com mais bons desejos para 2018 - sabias que o 18 tem um significado especial (cabalisticamente falando) algo que nos remete à vida, ao vivo!! bjs

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito obrigada pela companhia "de sempre", aqui e em todas as redes sociais, Dri.
      Não entendo nada desses significados ocultos nos números, mas faço votos que seja um ano fantástico, pelo menos vou fazer por isso, haha. Feliz Ano!

      Eliminar
  13. Quanta experiência boa para um único ano, hein?! Espero que seu 2018 seja tão bom quanto 2017 e que você e sua família possam conhecer ainda mais este mundão lindo!
    Um abraço!

    ResponderEliminar
  14. Caramba, quanto lugar legal e quantas viagens! Parabéns pela postagem e por compartilhar conosco. Parabéns também pelos números do Blog! Sucesso sempre!

    ResponderEliminar
  15. Em 2017 também tive a oportunidade de conhecer algumas dessas cidades da Suíça e fiquei encantado. 2018 já reserva Espanha e Portugal e virei conferir algumas dicas aqui com certeza.

    ResponderEliminar
  16. Que bela retrospectiva! Sempre bom relembrar por onde andamos e traçar planos para novas rotas, não é mesmo? Um 2018 repleto de viagens pra você! Abs

    ResponderEliminar
  17. Que delícia essa retrospectiva!!! Foi um ano incrível, né? Que 2018 seja ainda melhor, cheio de saúde para poder vajar! Beijos

    ResponderEliminar
  18. Olá Ruthia, vejo que 2017 foi um bom ano de viagens para ti, principalmente a incursão por terras angolanas. Para mim também foi um ano muito bom nesse sentido, pois fiz as primeiras viagens ao estrangeiro com o meu filho, começando na Polónia e acabando na Suiça (com Croácia, Bósnia, Montenegro e Itália pelo meio). Desejo te as maiores felicidades para 2018 e que seja um ano repleto de viagens.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O pequenito como se portou? Feliz ano para ti e para a família, Pedro. Novas aventuras mas, sobretudo, muita saúde e paz. Temos que marcar o tal café!
      Abraço

      Eliminar
  19. Que retrospectiva incrível!!! Quantos lugares visitados e cada recordação maravilhosa! Espero que 2018 seja repleta de novas aventuras! Um ótimo ano!

    ResponderEliminar
  20. Foi um ano com viagens maravilhosas, adorei acompanhar os post de muitas delas aqui no blog, sempre encantada com sua escrita tão poética e fotos maravilhosas, que 2018 rende também muitas viagens e experiências incríveis.

    ResponderEliminar
  21. Que ano lindo, Ruthia! Viagens inspiradoras transformadas em 44 textos cheios de sensibilidade e poesia. Parte deste ano de 2017 eu viajei por aqui, com você, deliciosamente acomodada em meu sofá, sorvendo uma xícara de café ou uma taça de vinho: devo dizer que foram momentos ótimos.

    Que venha 2018 com mais viagens, textos, seguidores e poesia... Sim, fatiar o ano é uma ilusão, mas ah! Deliciosas ilusões que nos dão forças para seguir em frente.

    Em 2018 continuarei por aqui! :) bjus

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A ilusão faz maravilhas pela nossa vida, é verdade! Sou muito grata pela sua companhia e também pelos momentos que viajei nas suas palavras, lá no seu Espiando pelo Mundo. Continuaremos juntas, então.
      Beijinho

      Eliminar
  22. Adoro seus relatos, me sinto viajando com você :) Acompanhei os destinos de 2017 (gostei principalmente a ida a Açores) e não vejo a hora de ver os de 2018. Bom ano e boas viagens!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito obrigada pelo feedback, Fernanda. Os Açores foram uma inspiração! Bom Ano!

      Eliminar
  23. Só destinos incríveis em 2017! Muito bom poder olhar para traz e ver o quanto vivemos coisas maravilhosas. Amei!

    ResponderEliminar
  24. Ruthia, que forma delicada e doce de rever 2017! Ele parece que passou voando por aqui, mas deixou tantas marcas!
    Quero agradecer por citar Quintana, um dos meus favoritos, em um de seus versos mais geniais. Estava comentando semana passada (mas sem me recordar do poema) que a vida parece isso mesmo. A semana entre natal e ano novo vem carregada de um peso maior, parece que todo o peso de 365 dias. A ânsia por uma necessidade de renovação, que se apresenta logo ali, numa madrugada que podia ser tão igual a qualquer outra madrugada, mas que se torna especial pela nossa fé no recomeço.
    Que 2018 traga muitas outras maravilhas pra ti! Te espero para um café aqui no Brasil, e espero te encontrar na querida Portugal qualquer dia desses também.
    Um abraço e um beijo de boa viagem, nessa nova jornada por 2018!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Julgo que é precisamente a nossa necessidade de balanços e recomeços que.explica a carga que colocamos nessa madrugada.
      Que seja no Rio ou em Portugal mas que esse café aconteça em breve, Klécia. Feliz Ano Novo

      Eliminar
  25. Adorei as montagens com as fotos! Que venham outras fotos e viagens mais lindas ainda em 2018!

    ResponderEliminar
  26. Que ano maravilhoso! Espero que 2018 seja muito melhor, com muitas viagens e muitas experiências, tão incríveis quanto estas de 2017! Que 2018 seja repleto de viagens! Um grande abraço!

    ResponderEliminar
  27. q legal, eu tb passei por madrid e lucerna esse ano! sao cidades fantasticas e cheias de historia!

    ResponderEliminar

«Viajar torna uma pessoa modesta – vê-se como é pequeno o lugar que ocupamos no mundo.» (Gustave Flaubert)

Obrigada por ler as minhas aventuras e ainda gastar um momento para comentar. A sua presença é muito importante para mim. Um abraço e até breve!